Como escolher modelo de óculos para o seu rosto

em 06 março 2020

Para não errar na hora de escolher os óculos perfeitos, o segredo é optar por uma armação para rosto adequada ao formato de seu rosto.


Nem sempre essa é uma tarefa fácil e, por vezes, acaba em uma verdadeira maratona para experimentar vários modelos até encontrar o melhor.


Antes de começar a maratona de experimentar os óculos, temos que saber qual é o formato do rosto e qual modelo vai se encaixar melhor...


Existem 4 tipos mais comuns de formatos de rosto. Sendo eles: rosto quadrado, oval, redondo e triangular.


Rosto Redondo:

Para o rosto redondo, os óculos devem torná-lo mais fino. Para isso, faz-se uso de armações com linhas retas e formato retangular.

Rosto Quadrado:

Nestes, os óculos redondos equilibram a estética facial. Ao mesmo tempo, devem ser consideradas as armações menores como mais adequadas.

Rosto Oval:

O rosto oval comporta bem qualquer tipo de armação. Aconselha-se, apenas, que fique na altura das sobrancelhas.

Rosto Triangular:


Para o rosto triangular, óculos com armação grande e arredondada são esteticamente mais recomendados.

Outra coisa que temos que escolher super bem também são as lentes...

Basicamente, existem três tipos de lente para óculos de grau. A escolha por cada uma vai depender do tipo de deficiência visual que você tem e o nível dela: se você não enxerga bem somente para perto ou para longe ou se tem dificuldade nos dois casos, por exemplo.

Lente simples:

A lente simples é usada por quem tem apenas um tipo de problema de visão: 

Hipermetropia ou miopia e astigmatismo (que pode ocorrer nos dois casos). Ela é lisa e preparada para ajustar algum desses tipos de deficiência em todo o seu campo. 

Lente bifocal: 

Já a lente bifocal consegue corrigir os dois tipos de problemas de vista: 

A miopia e a hipermetropia. Ela é fabricada e desenhada para, na parte de cima, corrigir a visão para longe e, na parte de baixo, a visão para perto. Esta divisão de correções é bem visível na lente, que possui uma curvatura em seu interior.
Lente multifocal:

A lente multifocal também corrige a miopia e a hipermetropia, mas tem a mesma superfície lisa das lentes simples. Por essa razão, é mais “avançada” se comparada com a lente bifocal. Mesmo assim, ela continua tendo a divisão de correções, que na parte de cima acerta a visão para longe e na parte de baixo a visão para perto. O centro das lentes multifocais também são bons para a visão de média distância.
Tecnologias da lente:

Agora, independentemente do tipo de lente que você terá que usar, ainda dá para escolher as diversas tecnologias que virão com ela, que deixam a sua visão mais confortável e prolongam a saúde dos olhos, como o tratamento antirreflexo.
Antirreflexo: 

Como o nome sugere, o tratamento antirreflexo evita incômodos com o reflexo da luz, principalmente solar. Como resultado, você terá uma visão mais nítida, porque o antirreflexo funciona como um bloqueador de luzes que poderiam fazer você ter dificuldade em enxergar. 

Anti-riscos e anti-embaçante:


Uma tecnologia feita para a lente dos seus óculos de grau durarem mais é a anti-risco. Em um modelo de óculos de grau com essa tecnologia é adicionada uma camada de quartzo (um mineral) à lente, para que ela se torne mais resistente. Assim, ela evita riscos por má utilização e é recomendada inclusive para crianças, porque elas são naturalmente mais espoletas.

Já a tecnologia anti-embaçante faz com que os óculos voltem ao normal sozinho, depois de embaçar. Imagine que você está fazendo arroz e, para verificar se ele já está pronto, abre a panela. O vapor quente em contato com os óculos (que estão frio/em temperatura ambiente) vai embaçar e momentaneamente prejudicar a sua visão. Se o seu modelo de óculos de grau tiver a tecnologia anti-embaçante, ele voltará ao normal em alguns segundos, sem você precisar limpá-lo com um papel ou paninho.

Transitions:

A tecnologia transitions é a que escurece a lente quando em contato com a luz forte do sol. Esse tipo de lente tem, na própria composição, moléculas fotossensíveis, que são estimuladas ou não a partir da quantidade de luz solar. Assim, ela se adapta conforme a incidência de luz do sol e faz com que apenas a quantidade necessária de luz chegue aos olhos. Na praia ou em caminhadas, por exemplo, fica mais confortável para andar.
Proteção contra raios UVA e UVB

As lentes transitions já vêm com proteção UVA e UVB, mas você também pode conseguir esse benefício em lentes não transitions. A proteção contra raios UVA e UVB vai garantir que a sua pupila não fique tão dilatada quando em contato com os raios solares, o que impede a penetração deles nos seus olhos. Assim, você se previne contra doenças oculares como a catarata e outros danos na retina.
Proteção contra luz azul de equipamentos eletrônicos:

Mais recente do que as outras funções de proteção de lentes de óculos de grau, esta atua contra a luz azul emitida por celulares, tablets, computadores e outros aparelhos eletrônicos. Essa iluminação, quando muito frequente, pode causar estresse ocular, irritação, secura nos olhos, dores de cabeça, fadiga e até insônia. Por isso, para quem trabalha boa parte do tempo navegando, uma lente com proteção de luz azul é uma ótima saída.

Agora que já sabemos essas informações é só escolher o modelo... Eu separei alguns modelos da que eu peguei na internet para inspirar vocês!






Gostaram?
Para quem é de São Paulo eu indico a ÓTICAS BELA que fica em Mauá - SP
Eles tem lindos modelos de óculos de grau, óculos de sol , armações e lentes de diferentes marcas, com um precinho bem bacana!

Vale a pena conferir!


Publipost

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paginação numerada



Topo